quinta-feira, 11 de outubro de 2012

7 da manhã

Fonte aqui

Todas as manhãs, quando vou a caminho da estação para apanhar o comboio para Estocolmo, vejo o mesmo casal. Ambos estão na casa dos 50 anos. A mulher apanha o mesmo comboio que eu todos os dias. O homem... vai apenas acompanhá-la à estação. Às 7 da manhã, minha gente. E, ao despedir-se da sua amada, dá-lhe um abraço bem apertado, um sorriso de orelha a orelha e um beijo de Hollywood. Como não ficar quentinha por dentro, mesmo apesar do frio que faz a essa hora?

Para mais gestos românticos de vikings, ver este post e dizer em coro "Os vikings são tão fofinhos!"



18 comentários:

  1. Acho tao lindos esses casais que permanecem apaixonados mesmo depois de tantos anos juntos, realmente aquece o coracao e deixa o dia mais feliz.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É lindo. O que mais me "toca" é o sorriso enorme do senhor. Acho que nunca vi um sorriso assim a essa hora da manhã! Beijinhos

      Eliminar
  2. Ai que lindo Joana! E vc é uma excelente narradora. Adorei! :)

    ResponderEliminar
  3. Respostas
    1. Dentro dos possíveis, é bem bom :) Beijinho

      Eliminar
  4. Ai que fofos!!! Quero envelhecer assim ao lado meu marido. Isso sim é amor ♥♥. Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sandra, eu também penso a mesma coisa quando os vejo. Que gostaria de chegar a essa idade - e mais tarde - e ter alguém que me acarinhe assim. Beijos

      Eliminar
  5. Que lindo, Joana...
    Sabe que eu sorri quando terminei de ler?
    Acho que o amor passa pelo carinho, pelos gestos afetuosos, pelas palavras...
    E ver isso aquece mesmo.
    Obrigada por compartilhar um momento tão bonito do seu dia conosco.
    Bjim
    Márcia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Márcia, fico tão feliz por esse sorriso! Beijinho

      Eliminar
  6. Eu to numa fase meio filosófica e cada coisa que eu leio me põe para refletir... (sorte que logo estou indo para o Brasil. Lá me espera tanto que não vou ter tempo de filosofar!) Assistir a cenas como a que você narrou é maravilhoso, realmente nos inspira mas eu penso se eu teria a mesma devoção: será que eu acordaria todos os dias bem cedo para acompanhar meu amor? Ou quanto é que eu me esforço pelo meu relacionamento? Ai, ai, acho que ainda não cheguei nesse nível! Hahahaha... espero melhorar com o tempo! =D
    Beijokas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que a coisa mais "romântica" (embora muito pouco glamourosa) que fiz pelo Tomas foi cuidar dele quando teve "vinterkräksjuka"... e é claro, fiquei doente também, com essa doença nojenta. Mas fiz isso apenas porque não tive que levantar-me de manhã bem cedo, hahaha.
      Nós não sabemos como é a vida desse casal, há um mundo de pormenores que desconhecemos e por isso não devemos comparar-nos muito. Maria, de certeza que você é uma fofa com o Joel!
      Beijos

      Eliminar
  7. às 7h da manhã?É mesmo muiiito amorr, rsrs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mim ninguém me arranca da cama a essa hora, a não ser que haja uma urgência :)

      Eliminar
  8. Olá Clementine, bem-vinda!
    Fofo a valer, né? :)
    Beijinho

    ResponderEliminar