quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Só na Suécia #9: A existência destes agradáveis peluches



Deve ser por estas e por outras que o pessoal por aqui fala de certos temas com uma... chamemos-lhe abertura... que nunca (ou)vi em Portugal.

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Voltei, com uma tag e tudo!


Depois do meu último post, que escrevi apenas há quase dois meses, a Minimi nomeou-me para o Liebster Award. E eu nunca resisti a um bom "inquérito". Isto já vem desde os tempos em que eu e as minhas colegas da escola os elaborávamos em cadernos de capa preta que depois fazíamos circular pela turma à espera de conseguir obter o maior número possível de participantes. Aqui estão as perguntas da Minimi:

1. Um momento que te tenha marcado e porquê.
O momento em que a minha sobrinha Leonor nasceu e, com ela, o meu instinto maternal.

2. O teu dia não pode começar sem antes...
Beber café com leite e ouvir música.

3. Qual é a tua viagem de sonho?
Austrália e Escócia (foram muitas horas a ver o Braveheart on repeat, gente)

4. Um livro que te tenha marcado e porquê.
"A Casa dos Espíritos" de Isabel Allende. Foi o primeiro livro a sério que li, aos 11 anos.

5. Se pudesses mudar algo em ti o que mudarias?
Gostava de ser mais organizada.

6. Para ti felicidade é...
Viajar, andar de montanha-russa e estar com as pessoas de que gosto e que me fazem bem.

7. O que te faz sorrir?
Muitas, muitas, muitas coisas, mas situações constrangedoras (ou awkward, em bom inglês) em particular. Mesmo quando estou envolvida nelas. E quanto mais constrangedoras são, mais dificuldade tenho em controlar-me.

8. Se pudesses viver em qualquer parte do mundo, onde viverias? Porquê?
Às vezes brinco com o sonho de voltar para Portugal sem que a minha vida dê mil passos para trás durante o processo.

9. Qual é o teu "guilty pleasure" musical? 
Neste momento é esta música. Eu seeeei que a voz é irritante. E repetitiva. Mas eu adoro esta música. O que me lembra que já não a ouço há algumas horas...

10. Qual foi a experiência mais alucinante da tua vida?
Mudar sozinha para a Suécia, sem dúvida.

11. Se pudesses voltar atrás no tempo mudarias algo? Se sim, o quê?
Repensava, por exemplo, a minha decisão de comer um pacote de bolachas inteiro esta tarde.

É a terceira vez que adiro a este "passatempo". Sim, eu sei, sou gananciosa. Aqui estão as minhas últimas respostas. Muitas coisas mudaram desde então. Já gosto de sushi. Gosto muito. Não me perguntem como aconteceu. Mas de qualquer forma, a minha vida ficou mais completa e a minha vida social beneficiada. Já não uso corações nos meus posts. A minha saúde pregou-me uma pequena partida mas está tudo sob controlo. E, para usar um eufemismo, o viking já não é uma das coisas que me fazem rir. E, por fim, não vou nomear ninguém, ou melhor, vou nomear toda a gente. A parte mais divertida dos inquéritos continua a ser obter o maior número possível de participantes.