quarta-feira, 11 de maio de 2016

Dramas de emigrante na Suécia


Recentemente acordei com desejos de comer arroz de tamboril e lá fui, muito determinada, a um supermercado cuidadosamente seleccionado por ter uma oferta de peixe que se estende além de douradinhos e postas de salmão congeladas. E tudo corria bem até que vi o preço: 75 euros/kg. 75 dinheiros! Acabei por comprar bacalhau congelado. E quando me lamuriei para com Senhor Viking ainda ouvi o seguinte comentário "Eu bem estranhei que quisesses 'desfazer' tamboril e servir com arroz. Normalmente usamos peixes mais baratos para fazer pratos desse género. O tamboril servimos em postas". Passei o resto do dia com saudades de casa.


10 comentários:

  1. Agora até eu fiquei com desejos de um arroz de tamboril! É tão bom! E, olha, ao menos consegues arranjar peixe... eu aqui tenho imensa dificuldade, só há peixe congelado... e quando há peixe fresco, bem, digamos que "fresco" é um conceito muito relativo por estes lados...

    ResponderEliminar
  2. Joana quem recebe geralmente tem pouca sensibilidade. A conveniência é do Sr. Viking e a saudade é sua :(
    Complicado isso mas há sempre razões para ficar :)
    Abraco
    Márcia

    ResponderEliminar
  3. Uma das desvantagens de ser emigrante. Onde quer que vás vais ter saudades de coisas, comidas e ingredientes. Aqui tenho saudades de algumas coisas portuguesas, lá tenho saudades de coisas daqui. No Brasil havia coisas portuguesas mas sentia falta de ingredientes polacos, agora sinto falta da fruta do Brasil. Nunca seremos as mesmas outra vez!

    ResponderEliminar
  4. Agora eu que fiquei curiosa pra saber o gosto desse arroz ... Ja vou googlar.
    Eu acho quase todas as receitas brasileiras e faço quando bate aquela vontade.
    Bjoss

    ResponderEliminar
  5. ohhhh... como compreendo essas saudades de casa *


    Hoje é o dia de quem está onde tantas vezes não está mais ninguém! Hoje é o nosso dia: Feliz Dia Internacional dos Enfermeiros

    ResponderEliminar
  6. Quando vieres vamos comer um belo arroz de tamboril! Bjs

    ResponderEliminar
  7. Acredito que apesar do excesso de açúcar na alimentação dos portugueses, também há muitas outras coisas deliciosas e que não se encontra noutros países.

    ResponderEliminar
  8. Aqui há várias lojas que vendem produtos portugueses e apesar de não serem propriamente baratos, dá para ir matando saudades, mas peixe é coisa rara por estes lados. Compro bacalhau, salmão, carapaus, pescada e pouco mais e tamboril foi coisa que nunca vi. Não sei quem é que está pior, tu que ficas a 'aguar' (como se diz na minha terra) por um belo arroz de tamboril e não comes por causa do preço, ou eu que mesmo que quisesse comprar, não há!
    A sorte é que quando vou a Portugal, mato os desejos todos ;)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar